Uncategorized

Empatia

Já vos aconteceu olharem para uma pessoa e sem nunca terem trocado uma palavra acharem que não gostam dela ou ao contrário, que deve ser uma pessoa fantástica?
A mim já me aconteceu algumas vezes. Há algumas em que se verificou o que eu achava outras nem por isso, foi um engano da minha parte.
Por exemplo, com a S., uma amiga da Universidade foi exactamente assim, a primeira vez que a vi pareceu-me que me estava a olhar de alto a baixo com um ar arrogante e quando a ouvia falar com os outros parecia-me que se achava dona da razão. Lembro-me de pensar:  “ela que nem fale para mim senão vai levar uma resposta torta”. Agora, depois de umas quantas respostas meio torcidas uma para a outra no inicio, adoro a S. damo-nos muito bem, falamos imenso e aquilo foi só mesmo uma embirração que tivemos uma com a outra.
Mas voltando às sensações que temos em relação às pessoas que nos são estranhas, isto acontece devido à empatia.
E sabem o que é que eu descobri sobre a empatia?
Que é a capacidade de nos colocarmos no lugar de outra pessoa e às vezes sentirmos o mesmo que ela. Que começa muito cedo. Quando um bebé ouve outro chorar começa a fazer o mesmo. É um processo imitativo que é considerado o precursor da empatia. Pára quando a criança começa a distinguir a dor alheia da dor própria.
Em adultos, às vezes choramos porque vimos alguém chorar (eu sou assim) ou queremos desesperadamente ajudar uma pessoa que nem sabemos quem é.
Já conseguiram perceber o que alguém sentia sem que essa pessoa vos tenha dito nada? Se sim é bom, significa que conseguem ter consciência de si próprios, só quando conseguirmos observar e compreender as nossas emoções de forma equilibrada é que somos capazes de perceber os sentimentos dos outros.
Quanto melhor dominarmos a nossa empatia melhor nos saímos na tarefa de viver com os outros, melhoramos a vida profissional, familiar e social.
Para isso é importante saber escutar, interessarmo-nos pelas dificuldades, ajudar no desenvolvimento do outro, detectar os desejos e ser hábil a resolver conflitos.
Que fácil que é falar, mas e agora? Como é que fazemos isto? E vocês acham que são uma pessoa com uma grande capacidade de empatia e conseguem lidar com tudo isto ou nem por isso?
Te
Anúncios

9 thoughts on “Empatia

  1. Olá

    Olha eu pessoalmente em relação à parte de ver o que as pessoas têm só de olhar para elas, só acontece com 2 pessoas.. A minha melhor amiga e o meu namorado…

    Nem é preciso abrirem a boca que adivinho quando estão bem ou mal… Pela voz também noto bastante..

    Em relação a ver as pessoas pela
    1ª vez e gostar ou não delas… Já me aconteceu e acontece às vezes e até agora só me enganei uma vez.. =P

    Beijos

    Gostar

  2. estrela, tens toda a razão.

    Gaspas, exacto, acopntece a toda a gente não é?

    Isa, já é um grande começo mais do que muita gente faz.

    Su, este post foi agendado, estava contigo quando foi publicado sua toto.

    Daniela, 🙂

    eutambemtenhoumblog, isso é porque já se conhecem muito bem e há muita cumplicidade.

    Ana Rita, ainda bem que gostou.

    Farruskinha, é isso mesmo que acontece.

    Beijinhos.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s