Familia e Amigos

"A curiosidade matou o gato" (salvo seja)…

Na segunda-feira, o meu primeiro dia de trabalho depois das férias combinei com a Su irmos fazer uma corridinha (ou uma tentativa de corrida). Era para chegar a casa vestir qualquer coisa confortável e calçar uns ténis e toca de ir correr.
Vim eu para casa a toda a pressa para não me atrasar e…
Já não fui correr…
Aparte: Não sei bem de onde vêm mas têm aparecido muitas moscas cá em casa, e depois de experimentar sprays, pastilhas nas tomadas e mais um monte de coisas, já em desespero a minha mãe comprou aquelas fitas castanhas cheias de cola para ver se realmente alguma coisa funcionava. Penduramos aquilo e fomos trabalhar.
Quando entrei no meu quarto estava a Pipeta enroladinha num cantinho e nem se mexeu quando eu entrei. Olho como deve de ser e começo a ver o chão completamente vomitado aqui e ali. Ups… Alguma coisa está mal.
Fui perto da Pipeta e quando lhe toquei fiquei colada a ela. Tinha o pêlo completamente cheio de cola, barriga, patas, focinho, etc…
Fui à sala, a fita não estava pendurada no sítio e o chão da sala também colava.
A espertinha da minha gata decidiu atirar-se à fita das moscas e ficou lá agarrada, e ao tentar soltar-se da fita ainda se colou mais. Depois ao lamber para descolar o pelo deve ter comido cola e toca de vomitar.
Liguei à Su: “Já não vou correr… blá blá blá” e diz a Su “Ainda bem que vomitou, é sinal que já saiu tudo”, vejam lá a sorte de ter uma amiga veterinária.
Banho com ela. Água, sabão, muitas esfregadelas, muitas dentadas e muitos arranhões mas teve mesmo de ser.
Depois do banho havia uma pata que continuava a colar e o pêlo parecia uma papa. Algodão, álcool, mais esfregadelas, mais dentadas, mais arranhões.
Querida Pipeta bem sei que ficas-te a odiar-me e que te fiz passar um mau bocado (o segundo do dia) mas quem te manda ser curiosa???
Depois andou a fugir de mim, zangada, mas à noite foi deitar-se na minha cama bem enroscadinha nas minhas pernas.
Pipeta no seu sono de beleza.
Com esta gata são só disparates.
Te
Anúncios

10 thoughts on “"A curiosidade matou o gato" (salvo seja)…

  1. Tadinha da Pipeta… A minha gata também se mete em cada uma de vez em quando, mas felizmente acaba tudo bem!
    E depois quem fica com o coração nas mãos, somos nós!
    Obrigada pelas palavrinhas que deixaste no meu blog!
    🙂

    Gostar

  2. Pobrezinha!…:(

    Felizmente, tudo terminou bem.

    Amei tudo o que vc escreveu sobre Covilhã. Fiquei tão curiosa, que fui ao google procurar imagens de lá.

    É realmente muito “giro”, como vcs dizem por aí…:)

    Beijinhos, e tenha um lindo domingo.

    Cid@

    Gostar

  3. Paula, é verdade nós é que ficamos aflitas com estes desastres.

    Farruskinha, é mesmo.

    eutambemtenhoumblog, ri-te ri-te, eu não achei graça nenhuma.

    Cida, ainda bem que gostou.

    Ana Rita, yeiiii, fico tão contente.

    Beijinhos.

    Gostar

  4. tão fofa a nossa querida Pipeta!!! mania dos gatos serem cuscos!!
    mas essa é hilariante!!! tadita andou o dia a colar-se às coisas dá uma vontade de rir!!!
    ai estou mesmo a ver o meu SIMBA nessa figura!!!
    banhinho ainda nunca dei ao meu…ai meus ricos braços, mãos…etc…

    Gostar

  5. Tenho mais pena de ti do que dela lol, acho que não me atrevia a dar banho a pipeta. Deve ter sido mesmo hilariante a ficar com as patas coladas enquanto andava hahah.

    Um beijinho de longe com muitaaas saudades. Mana Di

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s