Organização

Quinto passo para implementar o GTD

quinto passo e, na minha opinião, o mais importante de todos é fazer.

Organizar é importante pois se o sistema está organizado por categorias e prioridade, sabemos que em determinado sitio há aquelas tarefas para fazer e é fácil escolher pois basta olhar para o que é prioritário, não temos de pensar, no quê, quando ou como, apenas temos de fazer.  Mas é para fazer mesmo, não adianta nada ficar só na parte da organização, as coisas não vão aparecer feitas só porque estão anotadas.

Então, vê-se qual a tarefa que tem de ser realizada, elimina-se tudo o que possa distrair da tarefa em questão (telemóvel, Internet, televisão, etc) e decide-se quanto tempo se vai dispensar para aquela tarefa. Quando são tarefas complicadas e que levam algum tempo a estar concluídas talvez o melhor seja fazer durante períodos curtos, deste modo não se cansa, no fim desse período faz-se uma pausa e depois começa-se uma tarefa mais simples ou mais rápida, e só depois é que se volta à tarefa inicial.

Às vezes sabemos que temos aquela tarefa para fazer mas a vontade não é nenhuma e vamos adiando, quando isto acontece afaste esses pensamentos e apenas comece a fazer, sem pensar muito no assunto, comece por qualquer coisa mas comece, vai ver que passado 10 minutos já está concentrado, às vezes está tão concentrado que quando acaba o tempo que estipulou tem vontade de continuar, quando isto acontece aproveite essa vontade coloque novo tempo e não pare (não podemos desperdiçar estes momentos raros até porque depois vai ser mais difícil voltar a agarrar na tarefa).

Claro que ao longo da tarefa que tem em mãos podem surgir interrupções, telefonemas, alguém que precisa falar, algum recado que lhe deixam. Quando tal acontece, não pare a tarefa que está a fazer para ir resolver nada, aponte todos os recados para não atrapalharem naquela altura, pergunte às pessoas se o assunto é muito urgente e se pode retornar a ligação ou ir falar com elas mais tarde, mas por favor anote que tem essa chamada para fazer ou essa conversa com alguém, pois é muito mau não retornar e não falar com quem o procurou. Se uma dessas interrupções for muito importante, é inevitável que tenha que parar o que está a fazer, quando tal acontece, faça ao contrário, anote onde parou na tarefa que estava a realizar para depois conseguir retornar o trabalho.

Quando uma tarefa ficar concluída dê a si próprio uma recompensa, por exemplo, pode ler os posts novos do seu blog preferido. 🙂

Te

O blog já tem página de facebook, carreguem ali do lado direito para visitarem. Obrigado. 🙂
Anúncios

2 thoughts on “Quinto passo para implementar o GTD

  1. Essa ideia da recompensa é interessante! =)

    Olha em relação ao verniz dá para pintar como quiseres, pois como o que conta é o que fazes com a base… Antes da base secar deitas as bolinhas por cima e elas colam onde está o “molhado” =)

    Beijocas

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s